quinta-feira, 16 de julho de 2015

Desnudando-se

     La Maja Desnuda


Ao contemplar sua pele
Percebo a generosidade do teu colo.
Exibindo sua intimidade, revelas ser mulher.
Entre sussurros expande seu gozo
E num sorriso franco mostra a beleza do teu ser!
Vem, me encanta, suga meu sentido, delicia-te no néctar do viver.
Se entrega candidamente ao teu verdugo

Que estranhamente te conduz aos delírios do prazer...