quarta-feira, 7 de outubro de 2015

A altivez do cambará caído

Escondido, por anos procurou vencer a mata que ja não existe mais!
todos os dias se perguntava e questionava.
Onde esta a mata?
Rei de que?
A alguns metros, um único remascente testemunha sua existência.
Estranhamento. eles surgiram, máquinas potentes, homens ágeis, corte profundo!
E o Cambará caiu.
Por dias suas partes foram esquartejadas, o melhor ganhou lugar incerto.
Restou o refugo e seus galhos ja sem vida, num ultimo e derradeiro esforço. deixou suas flores altivas!
que ocuparam lugar sagrado e mudaram a existencia dos homens!