sábado, 10 de outubro de 2015

Tão suave quanto o mar

Como brisa deslizas teu encanto sobre as ondas.
Desfruta da vida como ser divino que és...
Se encanta com a oração que vem do sublime...
E distribui generosidade em seu passar.
Deixa a vida seguir seu curso
Pega carona no vento para cantar o amor!
Diz versos suaves na noite calma...
E pede num sussuro pela beleza de viver o bem...