segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Vida Selvagem

Meu sentimento é forte como potro selvagem. Intenso, como cavalo indomável. Suave e seguro como um marchador. Sou natural, sincero, sereno. Enfrento adversidades, não recuo no abismo, supero obstáculos. Assim eu sou, forte, constante e profundo. Amável, cheio de vida e desejo.

Compreensão

Nem sempre vou sorrir, muitas vezes vou chorar. Sinto dor, saudade, falta. Reclamo, grito, esperneio. Até sentir a calma da compreensão me invadir. Então lembro de você e uma sensação nova toma conta de mim. Na penumbra vejo seu vulto surgir. Posso ouvir sua voz na melodia que o vento me trás. O perfume que seu corpo exala, tem a suavidade das flores. A beleza do seu rosto é uma pintura a ser vista todo instante. E assim, mudo meu humor e tenho um novo alento.

Luz da vida

Ao contemplar sua beleza distante, cultuo um certo porvir. Sinto seus traços realçados por linhas que delineiam toda maravilha estampada em teu ser. Debruçado nessa observação conto os segundos que nos separam e aguardo esse encontro que vai revelar toda a importância do viver de seres que se completam. A luz que retorna à minha vida muda meu ser. Alegra meu dia, me dá novo alento, recupera a alegria. A névoa escura se foi e com ela toda a tristeza. Agora sei o valor do dia, a importância do amor, o bem querer e a verdade. Meu sonho colorido está de volta e com ele, você e o seu carinho. Fica sempre comigo.

Hora da morte

Um instante, sorrir, chorar, vencer. Uma vida, a morte, esperança. O sonho, pesadelo, imagens. Gratidão, injustiça, realidade. Um dia, a existência, o ser. Somos formados por um encontro de situações, de seres, do todo. Somos interligados uns aos outros e tudo o que fazemos ou fazem, é interligado, mesmo que recuse aceitar.

Desejos e sorrisos

Sentir o calor do corpo, o cheiro da vida o gosto do amor. Tremer de desejos, sentir vontades, se entregar completamente. A nudez do corpo, a carícia sentida, a pele arrepiada. Os corpos sentindo, a vida que segue, o gosto na boca. Nos completamos! Suavemente deixo o pensamento conduzir minhas palavras. Com a única vontade de fazer seu dia melhor, me entrego em devaneios na busca de palavras que retratem o bem estar estar do seu dia. Esqueço minha dor, deixo de lado a saudade, para sentir de longe o seu sorriso. Então, depois de saber que pude melhorar o seu caminho, uma sensação de paz invade meu ser e o meu dia também fica melhor. Sentir o vento no rosto, trás a lembrança da liberdade Ouvir sua voz causa uma mistura de sentimentos Ver sua emoção sendo manifestada em escritos revela o amor que permanece Sendo livre, tendo sentimento de amor, se entrega a vida e deixa o mundo observar sua forma de se entregar total. Deixe seu sorriso iluminar teu rosto, a compreensão invadir teu peito, a alegria contaminar tua vida. Pois o sorriso é a luz da vida, a alegria o passaporte do bem e a compreensão o caminho do paraíso.

Desejo contido

Ouvir sua voz ao longe faz viajar meu espírito Aguardo ansioso seu suspiro ecoar no espaço Deixo a imaginação viajar em busca de respostas Alimento um desejo latente de macho imbecil. Desejo que se manifesta num toque e que só vai se acalmar no encontro final, numa explosão de desejos contidos num sonho virtual. Tal como um raio surgiu no meu viver. Atravessando a escuridão em que vivia. Sua luz iluminou o caminho da minha existência. Agora que impulsiona minha vontade, anima meu querer e se torna meu paraíso, deixa meus lábios ser unirem aos teus, num poema singelo surgido no raiar do dia.

Passagem de volta

Deixo o sentido da vida tomar conta de mim. Sinto a beleza natural cercar a existência. Vejo a luz que mostra o caminho. Ouço a melodia que embala o mundo. Mesmo assim, enfrento a dor, sinto desejos, tenho falhas e tal como outros, sou criticado e cometo erros. Mas volto, pois voltar é sempre novo O retorno reúne o antigo que dá saudade e a descoberta do que está por vir. Uma descoberta anima a vida, alegra o espírito, mexe nos sentidos. Assim que passa a euforia da volta, quem retorna uma nova vida e pode fazer um novo caminho, que vai ficar marcado para sempre, como "a volta"! Então pergunto quando vou mostrar meu canto ao mundo? Dizer da capacidade de amar? Contar as alegrias da vida? Sorrir com bobagens do cotidiano? Sim, faço meu teu canto, alegra minha vida a tua alegria. Teu sorriso é tudo o que preciso para um mundo melhor. Deixa a porta da existência aberta, assim saberei que a sua vida e a minha passam pelo mesmo vão.